Portugal Growth



Descrição

·   O Portugal Growth é um fundo de fundos (FdF) de capital de risco, com foco em fundos de capital-expansão, buyouts, aplicando, entre outras, estratégias de internacionalização das empresas.

·   Gerido operacionalmente pelo Fundo Europeu de Investimento (FEI), de acordo com um mandato de gestão atribuído pela IFD ao abrigo do acordo-quadro com os bancos promocionais europeus.

Prioridades de investimento

Ao nível dos fundos diretos:

·   Subscrição de fundos de capital de risco, regulados pela CMVM ou outra entidade de supervisão europeia equivalente, com teses de investimento focadas em investimentos tipo capital-desenvolvimento (growth capital) e aquisições de posições de controlo acionista (buyouts).

·   Foco na falha de mercado em Portugal de constituição de fundos regulados de capital de risco (growth capital e private equity).

·   Preferencia por fundos com politica de sustentabilidade social, economica, e ambiental (ESG).

 

Ao nível das empresas:

PMEs e midcaps com potencial de crescimento, nomeadamente através de processos de inovação produtiva, internacionalização, e transformação digital.

Montantes

Ao nível do fundo de fundos (Portugal Growth):

·   Comparticipação pública nacional da IFD: 50M€, via Fundo de Fundos para a Internacionalização

·   Comparticipação Fundo Europeu de Investimento: 50M€

 

Ao nível dos fundos diretos:

·   Comparticipação por fundo direto: 4 a 20 M€

·   Comparticipação privada: no mínimo 30% do capital total subscrito nos fundos diretos

Âmbito geográfico

Ao nível dos fundos diretos

Fundos geridos por equipas baseadas preferencial em Portugal ou na União Europeia.

 

Ao nível das empresas

Preferencialmente residentes em Portugal

Parceiros de colocação

Fundos de Capital de Risco

Elegibilidade de empresas beneficiárias

·   PME e Mid-Caps

·   Em termos setoriais, âmbito generalista

·   Foco em empresas com processos de internacionalização e exportadoras

Tipologia de investimentos em empresas

Sobretudo instrumentos de capital e quase capital.

Impacto nas empresas

Aproximadamente 100M€ (mínimo) durante 5 anos

Periodo de investimento

Geralmente, os fundos investem durante os primeiros 5 anos de um ciclo de 10 anos de atividade.

Procedimento de seleção e colocação

Seleção dos FCR efetuada pelo FEI e validada pela IFD

Principais regras aplicaveis

Regras de auxílios de Estado, Plano Juncker

Data de operacionalização

Abril de 2020

Contato

fcqc@ifd.pt

voltar