Linhas de Atuação

Produtos

Uma análise das potenciais soluções e instrumentos financeiros que melhor sirvam as empresas ditou a seleção dos seguintes produtos a oferecer pela IFD.

Instrumentos Financeiros cofinanciados por FEEI

Capitais alheios

  • Apoio ao Fundo de Contragarantia, para contragarantia parcial das garantias emitidas por entidades especializadas (SGM) sobre empréstimos bancários a PME.
  • Bonificações de juros de empréstimos às PME ou de comissões s/ garantias emitidas por entidades especializadas em benefício de Bancos Comerciais no financiamento às PME.
  • Apoio ao desenvolvimento de instrumentos de securitização de carteiras de crédito a PME.
  • Eventualmente, poderão apoiar-se instrumentos que atuem ou apresentem produtos novos no âmbito do Plano Juncker e mesmo fundos de empréstimo ou de obrigações, destinados a fins específicos e áreas onde o mercado não ofereça soluções.

Capital próprios ou Quase Capital Próprio

  • Subscrição de Fundos de Capital de Risco:
    – Instrumentos a desenvolver em conjunto com entidades privadas.
    – Visando soluções para as várias fases de desenvolvimento de negócios das PME alvo, através da promoção de diferentes veículos como Fundos de Seed Capital, de Start-Up, de Capital de Desenvolvimento e, se possível, transmissão de empresas.
  • Subscrição de fundos especializados em Quase-Capital (atípicos, inovadores):
    – A fim de reforçar o capital e financiamento de longo prazo das PME, poderão direcionar-se recursos para investimentos em novos instrumentos que ofereçam produtos de Quase-Capital, como Mezzanine e Dívida Subordinada, Ações Preferenciais, Obrigações Participantes, Obrigações Convertíveis e Capital Reversível, entre outros.
  • Subscrição de Fundos de Coinvestimento com Business Angels:
    – Instrumentos a desenvolver em conjunto com entidades privadas.
    – Visando aumentar o investimento por Business Angels em PME, serão desenvolvidos novos programas de coinvestimento, nomeadamente via fundos ou veículos de investimento coletivo com especialização setorial, se for caso disso, para apoiar projetos e empresas (em especial inovadoras) nas fases iniciais da sua atividade.

Gestão de financiamentos obtidos junto de instituições financeiras internacionais

Capitais alheios

  • Instrumentos a desenvolver em conjunto com entidades internacionais (multilaterais, congéneres de outros países) e banca retalhista nacional.
  • Empréstimos individuais serão realizados em parceria com intermediários financeiros, nomeadamente via redes de bancos comerciais.
    On Lending
    A IFD poderá obter financiamentos de entidades como o KfW ou o BEI, a preço e prazo mais vantajosos do que as existentes no mercado nacional, que contrata dentro do seu balanço para, em seguida, celebrar contratos com as instituições financeiras nacionais para que estas emprestem esses montantes às empresas.
    Arrangement
    IFD poderá atuar como Arranger, negociando financiamentos com entidades internacionais (como o KfW ou o BEI), que celebram contratos com instituições financeiras nacionais, para que estas emprestem às empresas. Esses montantes não passam pelo balanço da IFD.

Coordenação das Participadas Financeiras e Desenho de Soluções
Instrumentos e Soluções Powered by IFD

Capital próprio ou Capital alheio

  • Soluções a desenvolver com entidades (ou usando instrumentos) existentes, na esfera pública, como a SPGM, a PME Investimentos, a Portugal Ventures e a SOFID, ou com operadores financeiros privados, como banca, SGM, capitais de risco ou Business Angels.
  • Visa introduzir, em programas ou produtos de financiamento das empresas oferecidos com apoio público, condições e soluções desenvolvidas pela IFD, ou em parceria com esta, para melhor servir no financiamento das atividades económicas.
  • Coordenação de entidades públicas na área do financiamento da atividade empresarial e da internacionalização.